Logo_Grande_Branco
Prancheta 1.png

apresentam

Bloom e Back to Humans convidam algumas das maiores vozes em mudança cultural, inovação corporativa, equidade de gênero, saúde e criação de filhos para uma conversa sobre parentalidade e trabalho.

 

Nunca foi fácil equilibrar vida familiar e profissional. Mas o isolamento social colocou uma lupa enorme sobre essa realidade: cuidar de crianças é uma tarefa full-time.
 
Muito tem se especulado sobre o mundo pós-Covid nas empresas e há aqui uma esperança: acelerar uma cultura de cuidado que valorize a maternidade e potencialize a paternidade.

 

Neste encontro conversamos sobre a importância e benefícios para empresas de uma cultura que cuida, todos os dias, de mães e pais que trabalham. Quais os obstáculos na implementação e como superá-los?

 

​O vídeo completo do encontro está disponível acima. Para saber mais sobre o assunto e fazer parte desse movimento, preencha o formulário ao lado. 

PARTICIPE DESSE MOVIMENTO:

 

 

Há um provérbio africano muito conhecido que diz que é preciso uma aldeia inteira para criar uma criança. Muitas vezes é preciso uma empresa, também.

Trecho do guia Apoiando mães e pais que trabalham: um guia para gestores em tempos da pandemia, desenvolvido pelo Bloom e Great Place to Work

 

Participantes

Luana Génot

Mãe, fundadora e diretora executiva do Instituto Identidades do Brasil (ID_BR), mestra em Relações Étnico-Raciais e autora do livro Sim à Igualdade Racial. É gestora de projetos sobre raça e etnia, equidade de gênero, diversidade e inclusão, empreendedorismo e empoderamento da juventude periférica.

Daniela Diniz

Mãe, diretora no Great Place to Work Brasil, atua junto ao time de Educação apoiando organizações a repensarem sua gestão de pessoas. É autora do livro Grandes Líderes de Pessoas -- a trajetória dos líderes de recursos humanos mais influentes do país.

Juliana de Faria

Mãe, fundadora e diretora da Think Olga e Think Eva, organizações de inovação social que compartilham a missão de sensibilizar, educar e instrumentalizar a sociedade para questões de gênero e intersecções. É criadora da campanha Chega de Fiu Fiu e foi eleita uma das 8 mulheres inspiradoras do mundo pela Clinton Foundation e pela revista Cosmopolitan US.

Daniel Becker

Pai, pediatra, membro do Conselho Médico do Bloom, é pioneiro na pediatria integral no Brasil. Mestre em saúde pública pela FIOCRUZ, fellow da Ashoka, colaborador do UNICEF e da Organização Mundial da Saúde (OMS), palestrante e consultor de empresas e fundações nos temas de saúde da família e infância.

Marcos Piangers

Pai, autor, palestrante premiado e uma das maiores referências sobre paternidade e família do Brasil. Seu livro O Papai é Pop já vendeu mais de 300 mil cópias no Brasil, Portugal, Espanha, Inglaterra e Estados Unidos. É um dos idealizadores do Back To Humans.

Realização

Logo_Grande_Branco

Somos um benefício corporativo que revoluciona a forma como empresas cuidam de mães e pais que trabalham.

Por meio de uma plataforma de serviços digitais que apoia a jornada da parentalidade, promovemos a orientação personalizada às famílias e melhores práticas de gestão para empresas conscientes.

 

Conectamos mãe e pais a uma rede de pediatras, obstetras, doulas, nutricionistas, psicólogos, orientadores de carreira e outros profissionais. E apoiamos gestores a entender melhor como lidar com esse mundo novo que é uma família.

Prancheta 1.png

Somos comunicadores e cientistas tentando captar a essência do que está acontecendo no mundo do trabalho hoje.

 

Encabeçado pela jornalista e socióloga Ana Emília Cardoso e pela publicitária Amanda Brandão, o grupo está entrevistando centenas de pessoas de variadas profissões no Brasil e no mundo. O escritor Marcos Piangers traz reflexões sobre inovações e mudanças. 

Apoio

Artboard 1.png

Copyright ©2020 Bloom e Back To Humans. Todos os direitos reservados